ANAPAR_-_SERPROS_-_ABR_2013_-_2

Entidades sindicais, Aspas e Anapar se reúnem em Brasília

Reunião organizada pela ANAPAR em 04/04 para debater o Serpros e iniciativas a serem tomadas

Publicado em 08/04/2013 por serprooltrj

Matéria reproduzida do blog da FNI-FRENTE NACIONAL DOS TRABALHADORES DE TIC.

Reunião organizada pela ANAPAR em 04/04 para debater o Serpros e iniciativas a serem tomadas ANAPAR_-_SERPROS_-_ABR_2013_-_2

Com a presença de várias entidades sindicais e da Aspas (Associação dos Aposentados do Serpro), aconteceu uma importante plenária na sede da ANAPAR (Associação Nacional dos Participantes em Fundo de Pensão) em Brasília, no dia 04 de Abril (quinta-feira passada). A FNI esteve representada pelo Sindppd/RS e pela OLT/DF. A Fenadados e vários sindicatos filiados também estavam presentes.

A atividade começou com a palestra proferida pela assessoria da ANAPAR, que falou sobre os tipos de planos existentes hoje no Brasil, BD: benefício definido; CD: contribuição definida; e CV: contribuição variável, e prós e contras de cada um desses planos. Logo após, Luiz Martins (Gato) fez uma apresentação, com um breve histórico da situação do SERPROS, da origem do déficit do PSI, das questões que envolvem o saldamento e de prejuízos ocorridos tanto no saldamento, como nas alterações ocorridas no PSII. Falou-se também sobre os investimentos acontecidos no BVA, e que ainda não sabemos de quanto será a perda para o patrimônio da nossa entidade. Vale informar que os investimentos no BVA foram da ordem de quase duzentos milhões, e que foi investido dinheiro do PSII, mas também do PSI. Inclusive houve compra de ações daquele banco, que resultou na época em um convite para que o Serpros indicasse um conselheiro para o Conselho do BVA. Em reunião do conselho, chegou a ser indicado o nome do presidente do Serpro, Marco Mazoni, que não chegou a assumir.

As representações do Sindppd/RS e da OLT/DF fizeram duras críticas à postura que vêm tomando as direções do Serpro e do Serpros, que com suas medidas estão trazendo insegurança e prejuízos incalculáveis aos trabalhadores com o saldamento, sem informações claras, sem contrapartidas do Serpro e com investimentos em bancos quebrados que colocam em risco o patrimônio dos participantes. Também citamos o fato de que muitas entidades sindicais abandonaram os trabalhadores, quando deveriam estar na linha de frente para enfrentar mais essa perda para a categoria.


Após debates, foram deliberados por consenso os seguintes encaminhamentos:

1- A ANAPAR encaminhará para a Previc, com cópia ao Sepros e Serpro, uma notificação denunciando dois prejuízos graves aos participantes nos seguintes casos: alterações no benefício de pensão por morte no regulamento do PS I após o saldamento, que terá um valor mínimo em caso de falecimento antes da aposentadoria pelo Serpros e benefício de renda de aposentaria programada do PS II, que será reduzido em função da alteração do custeio da pensão por morte após a aposentadoria, que passará para o saldo de contas do participante;

2- Exigência de realização de uma auditoria externa nas contas do Serpros, especialmente sobre os investimentos acontecidos no Banco BVA que somam quase duzentos milhões de reais;

3- Nova reunião nos próximos 15 dias para debater sobre outros encaminhamentos.

É fundamental que todas as entidades envolvidas reforcem as denúncias contra qualquer perda de direitos, e que na campanha salarial o tema Serpros esteja no nosso plano de lutas.

Sindppd/RS, OLTs e sindicatos que constroem a FNI

HHHHHHHHHHHHHHHHH

Boletim Eletrônico ANAPAR

03/04/2013 – Ano XIII – Nº 446

Convite Plenária SERPROS

Prezados Companheiros e Companheiras,

Tendo em vista a implantação do saldamento compulsório do PS I e das alterações do PS II, a Associação Nacional de Participantes de Fundos de Pensão – ANAPAR convida a todas as entidades representativas dos participantes ativos e aposentados da SERPROS (FENADADOS, ASPAS e sindicatos de base) para participem da plenária que será realizada às 14 horas do dia 04 de abril de 2013, na SEDE DA ANAPAR – SCS QD. 06 BL. A Nº 240 EDIFÍCIO CARIOCA – BRASÍLIA – DF. (EM FRENTE AO SHOPPING PÁTIO BRASIL)

A reunião terá como objetivo avaliarmos dos processos de saldamento do PS I e das alterações do PS II com ênfase na identificação dos riscos presentes e futuros que estes processos trarão para os planos de previdência e eventuais prejuízos para os participantes ativos e assistidos. Pretendemos também discutir e aprovar medidas que visam minimizar tais riscos e proteger os direitos dos participantes e assistidos dos Planos.

Contamos com a presença de todos.

Atenciosamente,

Claudia Ricaldoni

Atualizado em 31 de março de 2023

Share this post


Skip to content